Últimos posts




Você está feliz? Você está fazendo o que você ama ou está fazendo o que as pessoas querem que você faça?

A vida vai passando e a medida que vamos crescendo, sempre escutamos aquela cobrança "E a faculdade? Você encontrou um emprego? E o namorado (a)? Olha, fulano trabalha em tal empresa, ganha tanto por mês, e você? Já começou fazendo sua carreira?"
Vivemos em um mundo onde as pessoas tem mais pressa sobre as nossas vidas do que nós mesmos. Elas estão muito mais preocupadas com o que temos e com o que iremos ter do que com o que sentimentos e se estamos felizes.
A verdade é que estamos de saco cheio de tanta cobrança. 



Quem nunca teve aquela vontade de jogar tudo pro alto? Aquele emprego que só te dar dor de cabeça e no final das contas a grana nem compensa tanto assim? Jogar pro alto aquela faculdade que todo mundo diz para você fazer porque te dará muito dinheiro, mas que no fundo você odeia?

Eu passei a vida inteira ouvindo pessoas me dizendo o que eu deveria fazer, mas quase nunca me perguntaram o que eu realmente queria. Passei a vida inteira ouvindo que primeiro eu deveria fazer o que fosse me dar dinheiro para depois investir no que me faz feliz. Mas quem nunca passou por essas cobranças?
Só que as pessoas esquecem que às vezes não dá tempo, que quando pararmos pra pensar em fazer o que nos faz feliz, já estaremos velhos ou loucos de tanta cobrança. 
Dinheiro? Sim, eu quero muito, quero poder viajar o mundo, conhecer todos os países, culturas, comprar todas as roupas que eu sempre sonhei em ter, maquiagens, sapatos e bolsas. Mas eu posso ter tudo que eu quero se eu me dedicar 100% ao que eu realmente quero fazer. 
Eu passei a vida inteira me fazendo cobranças e com o passar do tempo, eu vi que não existem mais pessoas que se importam com o que realmente queremos e sentimos, mas sim com o que temos.

A vida é cheia de momentos incríveis, que muitas vezes não aproveitamos porque estamos obcecados com as nossas obrigações. As pessoas não entendem uma coisa: Cada um tem sua prioridade, cada um tem sua meta de vida. Viva a sua vida e esqueça a do próximo. Quer dar conselhos? Dê, mas dê conselhos construtivos, de isentivo, pois de gente nos colocando pra baixo o mundo está cheio.
O que te fará feliz? Se dedicar ao máximo que você conseguir aos estudos? Passar em uma universidade publica e fazer aquele tão sonhado curso de medicina? Ótimo, se dedique a isso, dê o melhor de si que você é capaz.
O que te fará feliz? Ter seu próprio negócio? Mesmo que seja uma barraquinha de churros já que você não tem capital para investir em um bistrô onde pudesse servir um café maravilhoso e aquele churros? Ótimo, se dedique ao máximo que você puder, trabalhe nisso que você terá resultados positivos, mesmo que você comece com uma simples barraquinha sonhando em montar um bistrô. Se você fizer o que ama, você alcançará seus sonhos.

Quando fazemos as coisas com amor, as chances de tudo dar certo são BEM maiores. Ame tudo que você faz, se você está fazendo algo sem amor, simplesmente pare, isso só vai desgastar sua saúde mental.

Uma vez eu li uma história de uma menina de São Paulo, que tinha o mesmo sonho que eu, viajar o mundo inteiro. Mas ela tinha que fazer escolhas e ela fez, e eu daria tudo para estar no lugar dela, pois ela concretizou algo que eu sempre quis, e nunca me mexi para fazer por medo do que as pessoas iriam falar, mas eu não posso culpar a ninguém, só a mim mesma.
Ela trabalhava em uma empresa que ela odiava e fazia uma faculdade que ela odiava mais ainda, ela largou a faculdade e pediu demissão, juntou um dinheiro e e arrumou um emprego como garçonete na Avenida Paulista para completar o valor exato que ela queria para viajar, que não era muito. Quando ela conseguiu, ela arrumou as malas e foi em busca do seus sonhos. Ela passou 2 anos viajando e viajou por 57 países. Por praticamente todos os países que ela passou, ela arrumava algum trabalho como free lancer para poder conseguir uma grana a mais, se manter e continuar a sua aventura, pois o dinheiro havia dando apenas para os primeiros meses.. 2 anos depois ela voltou ao Brasil com o sentimento de dever cumprimo. Ela tinha realizado o maior sonho da vida dela, e chegou com todo o gás do mundo para voltar a investir nos sonhos dela daqui e mais do que nunca, continuar sendo feliz.

Infelizmente não da para comparar, mas vivemos em um país onde quase tudo roda ao redor do nosso status. Nunca fui a Noruega, mas tenho certeza que um dia eu irei, e segundo a Ana, a menina dos 57 países viajado, o que mais chamou atenção nela no país, foi que lá um engenheiro ganha a mesma coisa que um professor, um enfermeiro. Ai você pergunta: "mas porque o engenheiro estudou tanto para ganhar a mesma coisa que os outros?" A resposta é simples, POR AMOR.

Sonhos tem pressa, e cada um tem seu sonho. Nem todo mundo sonha com uma Land Rover, nem toda mulher sonha com um Chanel, nem todo mundo quer casar e ter filhos, nem todo mundo quer ter uma graduação. Muitos querem ter todas essas coisas sim, mas fazendo o que eles tem o prazer de fazer e não fazendo o que a sociedade impõe. Mas também tem muita gente que quer viver do esporte, da arte, da música, muitos querem apenas uma vida simples e acima de tudo: Ser feliz. E não é da sua conta atrapalhar a felicidade do próximo. 



Se você tem planos de vida completamente diferente dos seus amigos e familiares, pare de cobrar das pessoas coisas que VOCÊ quer conquistar. Aprenda a apreciar um café, aprenda a apreciar a companhia de um amigo, da sua família, aprenda a assistir aquele bom filme e dar aquela risada, a ler um bom livro. Vista aquela roupa que você sempre quis, mas nunca usou por vergonha, passe aquele batom que você adora, mas não usa porque acha que não combina com você ou tem medo do que os outros vão falar. Permita-se caminhar na beira da praia e ser grato pela vida e pela natureza, ao invés de fazer cobranças que não devem ser feitas, e acima de tudo, aprenda a ser feliz. 
FAÇA O QUE VOCÊ AMA E SINTA ORGULHO DISSO, CONFIE MAIS EM VOCÊ!! As vezes, em alguns momentos da vida que devemos ser egoístas. Acho que devemos ouvir e analisar toda critica que recebemos. Se servir a gente usa, mas se não servir, é só entrar num ouvido e sair no outro, eu sei que falar é mais fácil do que fazer, mas não seremos felizes dando importância ao que os outros dizem. 
As pessoas que muito criticam, são pessoas que não tem coragem de fazer ou viver os mesmos sonhos que os nossos.


Vá, viva, e acima de tudo, SEJA FELIZ!!

Compartilhe com os amigos

Comente pelo Facebook!

Comente pelo Blog!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *